peelingQuimicoPeelins químicos superficiais e médios:

Há diversos tipos de peeling químicos: superficiais, médios e profundos, de acordo com a descamação e a profundidade com que atingem na pele. O peeling químico estimula a regeneração natural dos tecidos e também a produção de colágeno e elastina (responsáveis pela sustentação da pele e seu aspecto jovial). A profundidade do peeling será estabelecida pelo médico.

São opções terapêuticas para uma ampla gama de condições dermatológicas, como acne, melasma e manchas em geral, olheiras, estrias, rejuvenescimento global da face, entre outros.

É um procedimento realizado em consultório, bem tolerado e o tempo de recuperação da pele dependerá da profundidade do peeling realizado, o que será definido previamente em consulta médica.

Tratamento de clareamento tópico profissional de utilização exclusivamente médica, específico para tratamento das manchas cutâneas adquiridas de origem melânica (melasma, manchas residuais e manchas pós-gravidez).

A tecnologia destes peelings faz com que produção de melanina seja paralisada durante um vasto período de tempo com a aplicação do produto. Resultando em uma pele mais clara, uniforme e renovada.

voltar