Tratamento da HanseníaseA Hanseníase é uma doença infecciosa conhecida desde os tempos bíblicos. Esta doença causa feridas cutâneas, dano nervoso e fraqueza muscular que piora ao longo do tempo.

Causas da Hanseníase

A hanseníase é causada pela bactéria Mycobacterium leprae. Não é uma doença altamente contagiosa e tem um longo período de incubação (tempo antes do aparecimento dos sintomas), o que torna difícil saber onde ou quando alguém pegou a doença. As crianças são mais propensas do que os adultos a contrair a doença.

As bactérias podem ser transmitidas ao entrar em contato com os fluidos nasais de uma pessoa com hanseníase. Existem duas formas comuns: tuberculóide e lepromatosa. Ambas as formas produzem feridas na pele. No entanto, a forma lepromatosa é mais grave e altamente contagiosa. Provoca grandes protuberâncias e nódulos.

A maioria das pessoas que entram em contato com a bactéria não desenvolve a doença. Isso ocorre porque seu sistema imunológico é capaz de combater as bactérias.

Sintomas

Os sintomas incluem:

Lesões cutâneas mais claras que a cor normal da pele

Lesões com redução da sensação ao toque, calor ou dor

Lesões que não se curam após várias semanas a meses

Fraqueza muscular

Exames

Biópsia de lesão cutânea

Baciloscopia do raspado das lesões

Tratamento

O tratamento é todo disponibilizado pelo SUS e inclui antibióticos específicos a doença. O tratamento é feito durante 6 a 12 meses, a depender da forma clínica da doença.