Perfil

Dra Maria Lígia de Moura Mendonça é formada em Medicina pela Universidade Federal de Goiás, cursou Residència Médica em Dermatologia pela mesma Universidade. Atualmente é membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD).

Em 2013, se tornou professora da Residência Médica em Dermatologia do Hospital de Doenças Tropicais (HDT) e da Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Goiás.

Saiba Mais

Perguntas Frequentes

Quase isso. O método faz uma depilação prolongada e sua eficácia vai depender da resposta de cada pessoa ao tratamento. Normalmente, essa depilação dura de seis meses a um ano e cerca de 80% dos pelos desaparecem para sempre. Em alguns casos há 100% de sucesso.

O filtro solar tem que fazer parte de sua rotina diária de higiene e beleza. A proteção da pele deve ser feita mesmo quando não há sinal do sol. A radiação UVA, a maior responsável pelo envelhecimento precoce, mantém-se praticamente constante em qualquer estação do ano, mesmo nos dias nublados.

Mais importante que eliminar as manchas do rosto é prevenir seu aparecimento, bem como piora das mesmas. A melhor forma de prevenção é o uso diário e correto do filtro solar. Essa é uma rotina que todos devem ter pela manhã. Para o tratamento das manchinhas do rosto, chamadas de melasma, podemos usar cremes clareadores, peelings químicos e dependendo da avaliação, podem ser indicados procedimentos como a luz pulsada e o laser de CO2 fracionado.

Existem dois tipos de produtos: o protetor solar com maquiagem e a maquiagem com fator de proteção solar. O primeiro possui exatamente a mesma função que os protetores comuns, mas com a adição de pigmentos, que permitem que a pele pareça mais lisinha e uniforme, como acontece quando passamos maquiagem. Já o segundo tipo não é tão eficaz para proteger a pele. Normalmente as maquiagens com proteção solar possuem no máximo FPS 20, o que não é suficiente para quem vai ficar ao ar livre.

A Criolipólise combate a gordura localizada por meio do congelamento das células lipídicas. Sua grande vantagem é o fato de ser um método não invasivo, sem cortes, agulhas e nem anestesia. Com apenas uma sessão, é possível perder de 20% a 25% da gordura selecionada pelo equipamento e isso pode ser observado em até dois meses após a primeira sessão.

Notícias

Agende uma consulta com a Dr.Maria Lígia Mendonça!